segunda-feira, 26 de novembro de 2007

Internet interplanetária

Já tinha o sentimento de que a internet não tem limites, mas agora comprovo meu pensamento. Em visita ao Brasil, Vinton Cerf, considerado o “pai da internet”, afirmou que a internet em breve será interplanetária.
Vinton disse em entrevista à Folha Online: “Desde 1998, estou trabalhando nesse projeto no Laboratório de Propulsão a Jato da Nasa (agência espacial dos Estados Unidos), e nós estamos no caminho de nos tornarmos capazes de juntar os planetas do Sistema Solar com a internet terrestre para formar sistema interplanetário”.
Mas os problemas para implantar esse novo sistema não são poucos. “A resposta de uma mensagem enviada para uma sonda em órbita de Marte pode levar até 40 minutos para chegar”, explica cientista Eduardo Whitaker Bergamini, especialista em sistemas espaciais de dados ao site JBOnline.
Além da distância, os fenômenos espaciais influenciam muito nas transmissões via ondas de rádio, praticadas hoje e previstas para serem usadas também na internet interplanetária. “A radiação cósmica, o vento e as explosões solares e nossa atmosfera interferem na comunicação”', diz Bergamini, “a ponto de ela chega ao nível de 1 bit de dados para 1 bit de ruído”.
Mesmo assim, o novo sistema é um avanço considerável, dando a impressão de que nada mais é impossível.

2 comentários:

Rosildo disse...

Muito boa a informação. Aproveito o ensejo para parabenizar toda a equipe do Lambida Digital pelo excelente serviço prestado ao jornalismo brasileiro através deste blog. Na condição de professor de jornalismo, aprovo esta iniciativia e gostaria de trocar idéias com o grupo. Sucesso, cada vez mais!

Demétrio de Azeredo Soster disse...

Caro Rosildo, agradeço, em nome da turma, sua visita e suas considerações a respeito de nosso trabalho. E nos colocamos desde já à disposição para trocarmos idéias as mais diversas. Grande abraço